quarta-feira, 2 de março de 2016

Bin Laden "está vivo e vive bem, nas Bahamas", diz Edward Snowden



Originalmente publicado no jornal Moscow Tribune, e depois reproduzido por outros jornais, estas declarações nunca chegaram ao conhecimento dos portugueses. Snowden promete para Setembro a publicação dos factos, acompanhados de toda a documentação a que teve acesso.
Aqui se reproduz a notícia original.

Edward Snowden, que tem denunciado informações da Agência de Segurança Nacional , fez uma nova afirmação controversa, dizendo que tinha alguma informação classificada que prova que Osama Bin Laden ainda está vivo.
Snowden, que se refugiou na Rússia após viabilizar que fossem publicados  documentos sobre programas de vigilância da Agência Nacional de Segurança (NSA), fez algumas declarações anteriormente não conhecidas sobre o famoso terrorista Osama Bin Laden, durante uma entrevista com o Moscow Tribune.
De acordo com ele,  Bin Laden não só está vivo está vivo como está a ter uma vida luxuosa, nas Bahamas, graças a pagamentos regulares da CIA.
"Tenho documentos mostrando que Bin Laden ainda está na folha de pagamentos da CIA", afirma Edward Snowden. "Ainda está a receber mais de 100 mil dólares por mês, que estão a ser transferidos através de algumas empresas e organizações de fachada, diretamente para a sua conta bancária de Nassau. Não estou certo de onde ele estará agora mas em 2013, ele estava a viver tranquilamente na sua casa de campo com cinco das suas esposas e muitos filhos. "
Supostamente o líder terrorista Osama Bin Laden foi morto pelos Navy SEALs dos EUA (*) em 2 de Maio de 2011 mas de facto está vivo num subúrbio luxuoso de Nassau.
Snowden afirma que a CIA orquestrou a falsa morte do ex-líder da Al Qaeda, quando na realidade estava a transportar com a família para um local não revelado nas Bahamas.
"Osama Bin Laden foi um dos agentes mais eficientes da CIA por um longo período de tempo", afirmou o famoso denunciante. "Que tipo de mensagem estariam a enviar aos seus outros agentes se deixassem os SEALs matá-lo? Organizaram a sua  falsa morte, com a colaboração dos serviços secretos paquistaneses, e ele limitou-se a abandonar a sua identidade. Uma vez que toda a gente acredita que ele estava morto, ninguém o procurava, por isso foi bastante fácil desaparecer. Sem a barba e a jaqueta militar, ninguém o reconhece. "

Snowden diz que os documentos que provam que Bin Laden ainda está vivo serão integralmente reproduzidos no seu novo livro, que tem lançamento previsto para Setembro.
Motivo de controvérsia, Snowden foi por diversas vezes referido como um  herói, um denunciante, um dissidente, um patriota, ou um traidor, pelas suas revelações de milhares de documentos classificados.
Edward Snowden foi contratado por uma empresa que trabalhava para a NSA em 2013, após ter trabalhado na Dell e para a CIA. No mês de Junho desse  ano, revelou milhares de documentos classificados da NSA a jornalistas.
O governo dos Estados Unidos apresentou acusações de espionagem contra ele logo após as suas revelações virem a público. Snowden tem vivido em regime de asilo em Moscovo, depois de fugir dos EUA para Hong Kong, na sequência das denúncias.
Em 28 de Julho de 2015, a Casa Branca rejeitou a  petição "We the People", para que fosse perdoado, com cerca de 168 mil signatários.

(*) Os SEALs são uma das principais forças de operações especiais da Marinha dos Estados Unidos e parte do Comando Naval de Operações Especiais (NSWC).

A versão original em inglês no Moscow Tribune só está disponível para subscritores pelo que optei por uma na íntegra e de acesso livre , que traduzi e que pode ser encontrada em
http://www.theindianpanorama.news/united-states-america/bin-laden-is-alive-and-well-in-the-bahamas-says-edward-snowden-57781/