quarta-feira, 17 de julho de 2019

Os maiores gastos e maiores arsenais nucleares do mundo, por António Abreu


Os dados abaixo referidos foram obtidos pelo SIPRI - Instituto Internacional de Investigações para a Paz, de Estocolmo

 
1. Estados Unidos da América
> Arsenal nuclear: 6.185 ogivas
> Ano do primeiro teste nuclear: 1945
>  Gastos militares de 2018:  648,8 mil milhões de dólares
> PIB de 2018:  20,5 milhões de milhões de dólares

2. Rússia
> Arsenal nuclear: 6.500 ogivas (2.170 das quais em fase de desmantelamento)
> Ano do primeiro teste nuclear: 1949
> Gastos militares de 2018:  61,4 mil milhões de dólares
> PIB de 2018: 1,7 milhões de milhões

3. França
> Arsenal nuclear: 300 ogivas
> Ano do primeiro teste nuclear: 1960
> Gastos militares de 2018:  63,8 mil milhões
> PIB de 2018:  2,8 milhões de milhões de dólares


4. China
> Arsenal nuclear: 290 ogivas
> Ano do primeiro teste nuclear: 1964
> PIB de 2018:  13,6 milhões de milhões de dólares

5. Reino Unido
> stock nuclear: 200 ogivas
> Ano do primeiro teste nuclear: 1952
> Gastos militares de 2018: 50,0 mil milhões de dólares
> PIB de 2018: 2,8 milhões de milhões

6. Paquistão
> Arsenal nuclear: 150-160 ogivas
> Ano do primeiro teste nuclear: 1998
> Gastos militares de 2018: 11,4 mil milhões de dólares
> PIB de 2018:  312,6 mil milhões de dólares

7. Índia
> Arsenal nuclear: 130-140 ogivas
> Ano do primeiro teste nuclear: 1974
> Gastos militares em 2018: 66,5 mil milhões de dólares
> PIB de 2018: 2,7 milhões de milhões de dólares


8. Israel
> Arsenal nuclear: 80-90 ogivas
> Ano do primeiro teste nuclear: Não se conhece
> Gastos militares de 2018:  15,9 mil milhões
> PIB de 2018: 369,7 mil milhões

9. Coreia do Norte
> Stock nuclear: 20-30 ogivas
> Ano do primeiro teste nuclear: 2006
> Gastos militares em 2018: dados não obtidos pelo SIPRI
> PIB de 2018: idem

Sem comentários:

Enviar um comentário